IX CONGRESSO DA ASSOCIAÇÃO MÉDICO-ESPÍRITA DO BRAS...
CURSO DE EXTENSÃO: MÚSICA E RELIGIOSIDADE
ALBUM DE 10 ANOS DO CD MICRÓBIO DO FREVO
AULAS NA PÓS-GRADUAÇÃO - Uma experiência renovador...
MÚSICA E RELIGIOSIDADE : Das cavernas à música con...
SILVÉRIO PESSOA & LA TALVERA (Projeto Forroccitani...
NOVO CD LANÇADO NA EUROPA
SHOW COM GILBERTO GIL NO IBIRAPUERA - 25 ANOS DO I...
INTERCÂMBIO NA UNIVERSIDADE METODISTA DE SÃO PAULO...
INUSITADOS MOMENTOS QUE ME ENVOLVEM NO INÍCIO DE 2...





05/2006 06/2006 07/2006 08/2006 09/2006 11/2006 12/2006 03/2007 04/2007 05/2007 06/2007 07/2007 08/2007 03/2008 04/2008 05/2008 06/2008 07/2008 08/2008 10/2008 11/2008 12/2008 01/2009 02/2009 03/2009 04/2009 05/2009 06/2009 07/2009 08/2009 09/2009 10/2009 11/2009 12/2009 01/2010 02/2010 03/2010 04/2010 05/2010 07/2010 08/2010 09/2010 10/2010 05/2011 06/2011 07/2011 08/2011 10/2011 11/2011 01/2012 03/2012 05/2012 09/2012 11/2012 01/2013 05/2013 06/2013
  • Current Posts





  • Site Oficial
    Comunidade no Orkut




    Karina Hoover
    Envie um email

    +55 81 3269 1654
    +55 81 32691625
    +55 81 99677815



    Layout:PIANOLAB

    21.4.08
    A G E N D A

    Pré-produção das novas canções. Assessoria de Titio.


    31/05 - Natal-RN- (encerramento do Festival MPBECO)
    06/06 - Ceará - Aquiraz - Festival Navegart

    08 a 15/06 - Europa
    11/06 Flagey - Brussels (Bélgica)
    13/06 MC 93 - Bobigny (França) Silvério Pessoa's concert + convidado Spok Orquestra
    14/06 MC 93 - Bobigny (França) - Silvério Pessoa e convidado Spok Orquestra

    16/06 - Aracaju (Forrocaju)
    19/06 - Palestra sobre Jackson do Pandeiro (Livraria Cultura) - 16h
    19/06 - Show em CARPINA - PE 21:00h
    20/06- Recife (Pátio de S.Pedro) 23:00h
    21/06- João Pessoa (PB)Praça Antenor Navarro
    22/06 - Recife (Sítio da Trindade) 22:30h
    23/06 - Recife (Praça do Arsenal) 00:00h

    SPECIAL PROJECT NORDESTE-OCCITANIA
    5-6/07 Samba al Pais (França)

    Etapa II Tour Europa

    16/07 Suds à Arles (França)
    18/07 Samba Repercussions - Monléon Maognac (França) tbc
    19/07 Suds à Arles (França)
    20/07 Scènes d'été de La Villette - Paris
    22/07 Jazzebre - Grimaud (França)
    24/07 Festival Sines (Portugal)
    25 + 26 Paleo - Nyon (Suiça)

    29/08 - Acústico no Conservatório de música-PE

    ----------

    14.4.08

    ...forró é simplicidade, é poeira.... (Jacinto Silva)

    Tenho realizado palestras em seminários atendendo convites de faculdades e universidades, não só aqui no Brasil como na Europa, principalmente na França. Entre tantas curiosidades que os alunos me indagam em áreas de cultura popular, tradição, reforma agrária, conflitos de terras, educação no Brasil, modernidade e pós-modernidade e suas relações com a cultura de cada lugar etc...tem algo que sempre faço questão de abrir um momento mais longo para discutir. O QUE É O FORRÓ?Forró não é dança, nem música, é tudo isso e mais um bocado de coisas. É um gênero que aglutina várias faces de um modo particular de viver e ver o mundo em uma determinada região do Brasil, o Nordeste. Quem começou tudo isso foi Luiz Gonzaga, pedindo permissão para o Pai Januário, grande tocador de 8 baixos em Exú, Sertão de Pernambuco. Como resultado de um conjunto de fatores tais como o clima do Sertão, Agreste e Zona da mata, o Nordestino se veste variando entre a xita, o xadrez, a calça comprida e camisas de malhas longas para se projeter do sol e do frio, da umidade e das palhas da cana de açúcar. O couro que proteje dos espinhos e das mordidas de cobra, o chapéu que oferece dignidade ao matuto. Indumentária é Forró. Uma cozinha que tem no milho sua base. Nos grãos de arroz, feijão, na carne de bode e nos sucos de cada região pelo tempo das frutas. Culinária, gastronomia, é forró. Levada de baião, xote, pé-de-serra, marchinha junina, côcos, boi rural, xaxado (dança dos cabra de lampião), viola de 10 e 12 cordas e improvisos geniais dos repentistas, fazem parte do gênero forró. Não é uma coisa só. São várias, e diferentes! Nesse contexto de riqueza de detalhes de comportamento e filosofia de vida, uma literatura específica é também parte do forró, a literatura de cordel e os vários livros lançados com a vida e obra de Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Pinto do monteiro, Zé Limeira, emendados com os clássicos de Ariano suassuna,João Cabral de Melo Neto e Gilberto Freyre. Forró é filosofia de vida. Filosofia.
    Dominguinhos (grande homenageado este ano em vários festivais e eventos no ciclo de junho), Luiz Gonzaga, Jacinto Sila, Marinês e sua gente, Ary Lobo, Genival Lacerda, Jackson do Pandeiro (meu eterno mestre), Trio Nordestino, Camarão, Abdias, Zito Borborema, Zé Dantas, Humberto Teixeira, Targino Gondim, Valdir Santos, Azulão, Zé Manoel,Ivan Bulhões e quem estiver nesse momento tocando e cantando um cotidiano do passado/presente de um grupo específico. Forró.
    Sem segredos, é um componente da vasta música popular brasileira, tão atual como o jazz, pop, blues, e versátil para o diálogo com a música eletrônica e o que se denomina de música moderna. Forró é simplicidade, é poeira.

    ----------

    13.4.08

    FREE TIBET

    ----------

    1.4.08
    2001 uma Odisséia no espaço


    Existem filmes que param o tempo. Stanley Kubrick consegue essa façanha através das sequências do filme 2001 uma odisséia no espaço. Na abertura o inquietante mundo pré-histórico através da busca da sobrevivência em cavernas e ataques de feras e outros grupos. Eram os macacos. Muitos historiadores atestam que o tempo de vida dos pré-humanoides eram de aproximadamente 16, 18 anos. O tempo, as feras, a fome, o clima e o meio ambiente cercavam a vida. O momento mais instigante dessa sequência foi quando no exato segundo que um macaco descobre que um pedaço de osso poderia se transformar em um intermediário entre ele e os inimigos. Tudo muda daquele momento em diante, e o processo de hominização começa. Ele se proteje, mata e se alimenta mais, e mata pra se defender. Magnífico! O salto e o link que Kubrick promove para uma nave pendendo no espaço é de tirar o fôlego. Silêncio na maioria das cenas inquieta e cria poesia através de imagens. E a trilha sonora? bem, essa depois eu comento, depois que assitir mais uma vez esse mundo além de nós mais uns 1000 anos.

    ----------