IX CONGRESSO DA ASSOCIAÇÃO MÉDICO-ESPÍRITA DO BRAS...
CURSO DE EXTENSÃO: MÚSICA E RELIGIOSIDADE
ALBUM DE 10 ANOS DO CD MICRÓBIO DO FREVO
AULAS NA PÓS-GRADUAÇÃO - Uma experiência renovador...
MÚSICA E RELIGIOSIDADE : Das cavernas à música con...
SILVÉRIO PESSOA & LA TALVERA (Projeto Forroccitani...
NOVO CD LANÇADO NA EUROPA
SHOW COM GILBERTO GIL NO IBIRAPUERA - 25 ANOS DO I...
INTERCÂMBIO NA UNIVERSIDADE METODISTA DE SÃO PAULO...
INUSITADOS MOMENTOS QUE ME ENVOLVEM NO INÍCIO DE 2...





05/2006 06/2006 07/2006 08/2006 09/2006 11/2006 12/2006 03/2007 04/2007 05/2007 06/2007 07/2007 08/2007 03/2008 04/2008 05/2008 06/2008 07/2008 08/2008 10/2008 11/2008 12/2008 01/2009 02/2009 03/2009 04/2009 05/2009 06/2009 07/2009 08/2009 09/2009 10/2009 11/2009 12/2009 01/2010 02/2010 03/2010 04/2010 05/2010 07/2010 08/2010 09/2010 10/2010 05/2011 06/2011 07/2011 08/2011 10/2011 11/2011 01/2012 03/2012 05/2012 09/2012 11/2012 01/2013 05/2013 06/2013
  • Current Posts





  • Site Oficial
    Comunidade no Orkut




    Karina Hoover
    Envie um email

    +55 81 3269 1654
    +55 81 32691625
    +55 81 99677815



    Layout:PIANOLAB

    3.3.07
    DIARIO DE VIAGEM EUROPA/ASIA 2004














    PE NA ESTRADA

    Isso mesmo, PE na estrada, Pernambuco na estrada, é o Bate o Mancå retornando para a terceira Tour, que dessa vez inclui a Asia além da Europa. Passaremos e deixaremos festa em diversas cidades na França,Alemanha, Dinamarca, Portugal, Espanha, Suiça e Malásia.Como das vezes anteriores nossa espectativa, ansiedade, começa a crescer. Serao 2 meses longe da famîlia, dos amigos e do nosso chao, do povo que origina e é nossa eterna fonte de inspiraçao. Nosso show continua com uma base no CD Bate o Mancå, que estå com uma boa distribuição e vendas na Europa, porém incluimos 5 canções novas, que possivelmente estarão no novo CD, e que teremos oportunidade de testar lá fora.
    Aproveitaremos para finalizar o repertorio do novo show que devemos estreiar aqui em Recife em Novembro e também organizar o repertorio do novo CD, que jå tem tîtulo, CABEÇA ELETRICA, CORAÇAO ACUSTICO.

    MALAS

    Dessa vez enxugamos ao måximo a bagagem. Camisetas, 01 par de tenis, sandålia, coisas que não pesem tanto para carregar de um lado pro outro. Porém estamos levando equipamento a mais, como percussão, viola de 10 e violão, sem ultrapassar o peso exigido pelas companhias aéreas.

    DIVULGAÇAO DE BANDAS

    Levamos conosco vårios Cds que foram lançados recentemente e acreditamos podem surpreender os produtores e bandas da Europa. TINÉ, MACIEL SALU, VALDIR SANTOS, SANGUE DE BARRO, HERBERT LUCENA, esses ültimos de Caruaru, e o novo CD de LULA QUEIROGA. Claro que muitos CDs levaremos no Player e divulgaremos em festas e palcos. A força da nova musica Pernambucana impressiona e é perene.

    É isso moçada!
    espero contar com a presença de todos visitando nosso site aqui no JC ON LINE que estarå rastreando nossa viagem, isso vai confortar e fazer com que as saudades sejam amenizadas.
    Alegria para todos
    Silvério Pessoa




    18, 19 e 20/06/2004 - Vandredi, Samedi et Dimanche.

    No aeroporto dos Guararapes organizamos as bagagens e nos despedimos de Recife e do Brasil. A TV Jornal estava lá outra vez fazendo a cobertura de nossa Tour, foi divertido. Deixamos Recife felizes e otimistas de realizar uma continuidade de trabalho cada vez afirmativa com relação a nova musica que se faz em Pernambuco.

    O Vôo foi tranquilo até o Rio de Janeiro, onde fizemos uma conexao entre a Varig e a Lufthansa seguindo até Frankfurt, na Alemanha. A entrada na Comunidade europeia foi pacîfica, e de Frankfut ainda pegamos mais uma conexao até Marseille. No aeroporto de Marseille para nossa surpresa 2 bagagens nao chegaram, recuperamos hoje no hotel.

    No momento estamos na cidade LA CIOTAT, uma ville tres belle, onde mora o Tatou, lider na banda Massilia Sound System, que encontraremos hoje a tarde. Nosso hotel é muito aconchegante, próximo a montanhas e com um otimo clima, local ideal para arrumar a cabeça nessa temporada. O Clima da Equipe é otimo, todos pra cima, até pela experiencia dos musicos em uma terceira Tour.

    O encontro com o Tatou e o Jari foi bem legal. Passeamos na cidade antiga, vimos no porto um esporte curioso, que era uma disputa entre jovens de barco, tipo cavaleiros da idade média que tentam derrubar um ao outro por meio de uma lança. Depois fomos para casa do Tatou e terminou em farra!, muito vinho, cachaça africana e também muito som, ouvimos o disco solo do Tatou e do Jari com um grupo da Guiné. Como sempre nos despedimos com saudades de nossos amigos. Promete para dezembro o CD do Massilia comigo a ser gravado no Brasil, e a tour juntos em 2005, vamos torcer.

    21.06.2004-Mardi

    Pegamos estrada durante 8 horas seguindo até a Espanha. A passagem pela fronteira foi tranquila. Acabamos de chegar na cidade de Lleida para descanso e amanhã seguiremos para Madrid de onde pegamos um voo para as Ilhas Canárias, local do nosso primeiro show.

    TRANSPORTE E FILME DE FELA KUTI

    Nossa Van nessa tour é uma tremenda máquina. Veio com DVD, ar condicionado, 01 lugar para descansar (Voce pode dormir como numa cama), e também as poltronas são bem confortáveis e as janelas grandes com proteçao de sol, fica bem legal olhar as paisagens. Hoje assitimos um filme-documentário do Fela Kuti. Nesse filme o Fela denuncia as condições socias e políticas da Nigéria, na qual sacrifica os trabalhadores Negros. Com entrevistas e gravações de um show, o filme é uma oportunidade de conheçer esse grande músico que associa a música a uma militancia social em favor do povo de um lugar, magnífico.

    22.06.2004-Lundi/terça

    Estrada grande até Madrid. Almoçamos em um posto na beira da estrada de uma cidade que não conheci o nome, o prato CARNE DE VIADO COM BATATAS, uma delícia. Chegamos a Madrid com 2 horas de antecedencia do Voo para as Ilhas Canárias. Relaxamos um pouco no aeroporto, esvaziamos bagagens para levar o necessário para 2 dias e pegamos o Voo. Tranquilo. Chegamos a ILHA DE TENERIFE no aeroporto Sul e logo seguimos com o produtor local para o hotel, estávamos exautos de estrada e Voo. O Hotel OROTAVE PALACE compensou, um luxo em uma ilha turística exótica e exuberante. Mesmo a noite imagino amanhã o visual da ilha.

    A ILHA DE TENERIFE compõe as Ilhas Canárias. Existe um lado norte e sul que se diferencia por áreas mais verdes, no caso o lado Norte que fica perto da capital Santa Cruz. Um paraîso turístico com passeios por Piramides de Guimar, Pico del Teide, PuebloChico, um parque em miniatura das ilhas canárias, passeios de camelos e dromendários.
    Conversando com o produtor local, o Antonio, comentou que a história da ilha envolve a colonizaçao Espanhola e a perda da cultura local dos aborígenes. A Ilha de Tenerife fica ao lado do Deserto do Saara e tem uma forte e presente história que envolve imigrantes e antepassados Africanos.

    23/06/2004-Mercredi-Quarta

    SHOW NA ILHA TENERIFE/Canárias/Espanha

    Algo inacreditável o show na Ilha de Tenerife, Canárias. Imagine uma estrutura na Praia de Copacabana para o reveillon, 5 a 8 mil pessoas nas areias escuras vulcanicas da praia, com fogueiras acesas, comemorando o Sao Joao, festa tradicional da ilha, claro, sem pamonha, canjica e milho, mas era o Sao Joao, festa que foi para nosso País, em especial o Nordeste. Palco gigante, som regular, porém um grande desempenho do Bate o Mancá. Antes teve queima de fogos, apresentação de um grupo tradicional da ilha e um show a parte de artsitas circenses que fizeram malabares em um grande cabo de aço sobre o palco. Botamos a moçada para dançar, cantaram alguns refrões, vendemos CDs do Micróbio do Frevo e o CD do Bate o Mancá chega essa semana na Espanha. Maravilhoso início de tour.

    23.06.2004-Mercredi/quarta

    Dia de turismo combinado com trabalho aqui na Ilha Tenerife. Pela manhã fiz uma caminhada na orla da ilha com direito a fotos, maravilha! a tarde fomos passar o som, local do show é exótico, diante do maior pico da Espanha, mais viagem impossiviel. O show hoje a noite promete. É vespera de São João.


    24/06/2004 - Jeudi-Quinta

    Pegamos um voo cedo para Madrid, dormimos apenas 2 horas por causa do show em Tenerife. Chegamos e fomos direto para a TV Nacional da Espanha. Lá gravamos um programa de auditório para a TV Espanhola e também para a rádio. Tudo muito bem produzido, som perfeito, recebemos uma copia do CD e vou tentar enviar via MP3 para o JC on Line.

    De Madrid, logo pegamos estrada de 80 Km para Segóvia, cidade histórica, antiga, do famoso violonista André Segóvia. Estamos no Hotel LOS LINARES na cidade antiga com uma paisagem ímpar para um grande castelo. Amanhã teremos show aqui no FOLK SEGOVIA, no Pátio de San Juan de los Caballeros.
    Hoje jantamos em um restaurante bastante interesssante, chama-se CUEVA DE SAN ESTEBAN, com grutas que se transformam em espaços para jantar e conversar. Interessante a indicação do chef que orienta as garrafas de vinho, chama-se Lúcio del Campo, o "NARIZ DE ORO 2002".
    Como dormimos 2 horas de ontem para hoje, todos estão exautos e marcamos para amanhã um passeio por Segóvia.

    COPA EURO.
    Assistimos nesse período aqui na Europa, vários jogos. Vimos a desclassificação da Espanha, da Croacia, a vitória da França e hoje a grande virada de Portugal contrra a Inglaterra, um show de bola, decidido nos penaltis. A curiosidade é que vendo jogadores consagrados nessa disputa, nada deixa a desejar a nossos grandes josgadores como Ronaldinho Gaúcho, o próprio Ronaldinho gordinho, Alex, realmente o jeito do futbool brasileiro faz a diferença.

    25.06.2004-Vendredi-Sexta

    Hoje fiz o que mais queria. Andar, andar, andar pelas ruas de Segóvia. Uma cidade históricamente linda, exuberante de simplicidade e ostentação. Começamos pelos mosteiros, igrejas, e a culminancia foi na Catedral de Segóvia, no Acueducto (aquaduto de origem de construção Romana), e o gigante Castelo de Alcázar. Tiramos muitas fotos que em breve voces poderão se deliciar.

    PASSAGEM DE SOM EM SEGÓVIA
    O Local do show é uma construção antiga, ruínas da idade media que foi transformado em patrimonio da humanidade pela UNESCO, um local exótico. A passagem de som foi tranquila e com muito calor em Segóvia.

    SHOW
    Mais uma vez em campo a música de Pernambuco, uma alegre combinação de diversão e proposta de afirmar nossa identidade através da música do lugar. Contagiante. O Som não era dos melhores, mas fizemos um show de 1 hora enxuto e pra cima. Saimos de lá com propostas de retorno e com muitos contatos com orgãos que trabalham com projetos socias.

    26.06.2004 - samedi/sabado
    Estrada, interminável estrada. Saimos de Segóvia levando a cidade no coração. 300 km até uma cidade ainda na Espanha chamada DEBA, litoral. Não encontramos hotel e seguimos até a fronteira com a França. Passando sem problemas, chegamos ao Hotel de BAYONNE, uma cidade proxima a PAU, BIARRITZ e BORDEAUX.
    A Noite assistimos a vitória da Holanda contra a Suécia pela Euro Copa.
    Como será que o Nautico está no campeonato?

    DICAS
    Na Espanha tudo é mais barato em euro do que na França, principalmente cigarros, cerveja e refeições, que são coisas que estamos em constante contato! Enquanto uma carteira de Malboro na França custa 5 euros, na Espnaha se compra com 1,50 euros. Uma Refeição na Espanha Menu normal, tem uma entrada que pode ser uma salada ou sopa com pão e vinho, depois um segundo prato que em geral pode ser frango (Polle), carne ou pescado e uma sobremesa, tudo por 8,50 euros. Na França voce com 10,00 euros tem que procurar um restaurante chines, pois uma refeição completa e que satisfaça não sai por menos de 15,00 euros, aproximadamente R$45,00 reais.

    Nao esqueça! Passando pela Espanha, principalmente Segóvia e Madrid, procure experimentar a cerveja SAN MIGUEL, tem 4,5 graus de alcool e um gosto amargo suave que faz a cabeça.

    27, 28 e 29/06 - Dimanche, Mardi et lundi

    Chegamos em Toulouse, cidade do Sudoeste da França, tempo muito quente. Na estrada passamos por uma area com exploração turística atuante, chama-se LA GARONNE.Um grande parque com grutas, passeios turísticos, museus etc... Os franceses sabem muito bem aproveitar a temporada de férias, coisa que não vemos no Brasil e Pernambuco, aproveitar a oportunidade das ferias para incentivar festivais, praias, hoteis, bem, vamos lá.

    Aqui em Toulouse um grande jantar em praça pública, frente a associação Escambiar dos Fabulous Trobadors, foi nossa recepção. Maravilha! a equipe se distribuio pelas casas das garotas das BOMBES 2 BAL, nossas amigas. Eu dei uma volta na cidade para tirar fotos, conheçer alguns pontos que anteriormente não consegui registrar, como o Capitólio e a Catedral de Saint Sernani. Essa é a 3a vez que visitamos a cidade.

    Fui á FENAC, um delírio. Eletronicos, MP3, o escambau. Mas foi na seção de CDs que tive uma grande notícia. O BATE O MANCÁ está entre os indicados junto a Caetano veloso, como um dos melhores lançamentos da loja. Legal né?

    Bem. Hoje vamos passar para as meninas da BOMBES 2 BAL , o documentário BRASIL DA SANFONA, produzido pela Miriam Taubikim, de São Paulo. Um painél sobre o fole e o acordeon nas várias Regiões do Brasil.

    Nosso show aqui em Toulouse é amanhã pelo FESTIVAL CONVIVENCIA, no convés de um barco em um lindo lugar aberto ao público. Depois teremos um longo roteiro. Show no outro dia em Marseille, depois seguiremos para Dinamarca e no outro dia show na Alemanha.


    30/06 e 01/07/2004 - Mercredi e Jeudi

    SHOW EM TOULOUSE
    Uma dose de Pernambuco até o talo! o Festival Convivencia é uma proposta de reunir artistas Latinos tocando em cima de um convés de um barco que se movimenta pelo Canal do Midi na França. Uma estrutura curiosa com som, luz, bar, camarim. Nosso show encerrou a noite e tivemos que voltar para o BIs. Com o CD lançado aqui, o publico começa a ser criado e muita gente cantando os refrões, foi emocionante. As Bombes 2 Bal deram uma canja, e nosso bis foi no minimo exótico, eu e o André no acordeon, cantando Asa Branca com muitos efeitos de voz e sanfona passando pelos deleys, foi bacana.

    Pegamos estrada cedo para Marseille. Estamos em um hotel cercada de 30 minutos do palco. Passaremos o som e devemos emendar com o show que terá a participação do Tatou e do Jari do Mssilia Sound System, estamos animados para essa noite.

    02/07/2004 - Vendredi

    SHOW EM VENELLES - Marseille
    Uma incrivel noite, sem comentários, só vendo as fotos. Maravilha de palco, som, público e uma canja pra lá de quente do Jari e Tatou do Massilia Sound System. levantamos a poeira com o repertório do Bate o Mancá e com algumas canções novas do proximo CD. Direiro a um Bis com novamente a presença dos amigos de Marseille, poeira, dança, roda de gente e diversão. Trocamos ideias legais com o pessoal do TRIO MOCOTÓ que dividiu palco conosco, uma moçada legal e amiga, recebi o CD novo dos caras e eles assistiram ao show e piraram. Devemos nos encontrar outras vezes ate o final da Tour.
    Daqui algumas horas voo para Dinamarca para apresentação no ROSKILDE FESTIVAL.
    Até breve moçada, Valeu as mensagens e não dá pra responder a todos por causa do tempo de conexão, muito boas vibraçoes.Valeu Mesmo.
    Silverio pessoa

    CHEGADA EM COPENHAGEN/DINAMARCA

    Tempo a mil. Pegamos um Voo de Marseille para Copenhagen e chegamos no aeroporto com a temperatura mais fria da Tour até agora. Fomos direto para o Hotel, um albergue próximo ao Festival Roskilde. Deixamos a bagagem e fomos direto para passagem de som.O Palco imenso, público de 3000 pessoas para ver o que não conheçe, isso faz a diferença nos festivais Europeus. Deixamos o palco pronto em um rápido Cheq-Line de 30 minutos e logo entramos em cena no Stage BALLROOM lotado. Antes fiz uma entrevista para uma rádio latina e dei "Aquele Abraço" em Otto que também se apresentaria nesse mesmo palco nosso as 23:00h, nosso show foi as 19:00h.
    Dei um passeio rápido no festival. Grandioso, nada parecido com nada que já vi nesse mundão de Deus. Vários palcos com horarios programados, sempre tem um som rolando, o publico mais louco de minha vida, de punks, a metal, Pop e Clubbers, tudo na maior convivencia e alegria, em um Festival onde choveu 2 dis e tudo estava na mais completa Lama. Para voces terem um idéia do tamanho do Roskilde, estavam escalados, o Pixies, David Bowie(que cancelou 3 shows em festivais por motivo de doença), Avril Lavigne, Sly & Robbie Taxi, Fatboy Slim, Iggy & The Stooges e por aí vai! Grandioso o Roskilde.

    O SHOW
    Mais um gol. A questão de passar o som rapidamente nos deu algum trabalho nas 3 primeiras canções, depois foi delirio.O Publico dançando, participando das canções, gritando Brasil! Pernambuco! bandeira brasileira no publico, lançaram camisetas com o rosto de Che Guevara e tivemos que retornar ao palco para um Bis de 5 munutos. Eu terminei numa roda descendo do palco e fechando o show no chão junto da moçada.
    Nos despedimos de Otto, de Marquinhos, de Axé, do Roskilde, que com certeza vai ficar em nossa história. O Produtor do festival, Peter, foi nos dar um abraço. Estamos agora no hotel, quarto individual, são 12:04 de sábado. Pegaremos um Voo para Paris as 7:00 da manhã, depois um Trem bala, TGV para Lion, de onde seguiremos para mais um festival via estrada.

    03 e 04/07/2004 - vendredi/Samedi/Dimanche

    Pegamos um Voo de Copenhagen para Paris. De Paris um Trem Bala/TGV para Lion, de Lion, uma transferencia de Trem bala para Macon e de Macon, uma linda vila no Sul da França para CORMORANCHE SUR SAONE, onde aconteçe o LES TEMPS CHAUDS FESTIVAL-Musiques et Voix du monde, um festival ambulante. Estamos no limite, foram 4 shows em Cidades e Paises diferentes, isso incluindo a loucura de ouvir linguas diferentes que deixa a cabeça a mil.
    O Local do fstival é um sonho. Um lindo lago com cisnes, uma pequena vila, e um palco entre arvores. Fomos direto para a passagem de som e de lá demos um cochilo no hotel, voltando na hora do show as 21:30h.

    O SHOW
    Foi um dos sistemas de som menos eficaz que pegamos até agora. mesmo passando o som, não funcionou como deixamos a tarde e tive que parar no meio da primeira canção para acertar os níveis de acordeon, viola e voz. O KP2 deu uma pane e não tive os efeitos de voz. Bem, superamos, claro, colocamos o publico para ouvir nosso som, nossa empolgação e mais uma vez voltamos ao palco para o Bis, ao som de Frevooooo!!!!! Frevoooo!!!! e mandamos ver o Micróbio do Frevo para delirio da moçada.

    Hoje, domingo,estamos de saida da cidade e seguiremos para Paris. La passaremos 2 dias até seguir na terça feira para MALÁSIA, onde passaremos 5 dis entre oficinas e um show. Em breve terei noticias bem interessantes sobre nossa aventura.
    Aqui continua dificil conectar, os hoteis com linha direta é uma fortuna em euros e o telefone para conexão que temos é uma especie de 0800 que não liga em qualquer fone, mas na medida do possível estamos em contato via esse cyberspace do outro lado do mundo.

    PARIS
    04 e 05/07/2004 - Dimanche et Lundi, domingo e segunda.
    Chegada em Paris. O clima é frio e cinza, porém Paris continua linda, ousada, e pedante. Eu e o Valdir fomos assistir a final da euro-copa em um bar que fica na Bastilha, eu, ele e o Fabrício, nosso co-produtor em Paris. Antes gravamos vários CDs na casa do fabrício, um cara sintonizado com a música do mundo. Portugal perdeu para a Grécia de 1X0.
    No outro dia eu fiz uma matéria para a Rádio Latina com nossa assessora de imprensa em Paris, a Soraya, que trabalha também com a gravadora Biscoito Fino. A tarde fui ao bairro de Pigalle dar uma olhada nos samples e equipamentos eletronicos.

    SUSPEITA DE BOMBA NO AEROPORTO CHARLES DE GAULE-PARIS
    Na manhã de terça-feira, no aeroporto de Paris, uma suspeita de bomba suspendeu alguns voos e atrasou diversos outros. Nós estávamos chegando para fazer o Cheq-in para Malásia, foi aquela confusão. Esqueceram uma mala no aeroporto e a polícia supeitou de atentado. Depois de 40minutos em clima tenso o aeroporto foi liberado e podemos fazer nosso embarque.

    M A L Á S I A
    Um capítulo a parte na Tour. Primeiro as horas de Voo. Foram 20 horas entre 2 voos e espera de conexão no aeroporto. Primeiro fizemos Paris/KUALA LUMPUR, depois uma conexão para SARAWAH na Ilha de Borneo. Essa ilha parte pertence a Indonésia, outra pertence a Malásia. Nós estamos na parte da Malásia onde vai acontecer o grande RAINFOREST WORLD MUSIC FESTIVAL. Visitem! www.rainforestmusic-borneo.com

    FUSO HORÁRIO
    Loucura total. Saimos de Paris já com uma diferença de 5 horas a mais em relação ao Brasil. Agora estamos com 10 horas a menos em relação a Paris, pois estamos bem perto da linha do Equador, um pouquinho acima. Então está aquela loucura para colocar o relogio em ordem. Estamos com sono, mas sem dormir para não perder a troca do dia!!!!

    LINGUA
    Outra loucura. Depois de passar pelo Espanhol em dialetos diferentes como o Galego e o Catallan, entramos na França, depois ouvimos o Dinamarques, o Ingles, voltamos ao Frances, e agora em Sarawak se fala o Malanes, Chines,o Ingles, por causa da colonização da Inglaterra e alguns falam Frances!!!!!!

    RELIGIÃO
    Aqui a religião predominante é o Mulçumano, embora a ilha comporte Budistas e cristãos. Convivem aqui muitos chineses, Indianos, e outros grupos étnicos.

    Estamos no Hotel SANTUBONG Kuching RESORT, uma imensa construção no meio de uma floresta cortada de uma auto estrada, com piscina, diversos bangalos distribuídos em pavilhões, um visual para montanhas exuberantes com o mar circulando, tipo aquele visual do filme King Kong, naquela versao de Jessica Lange. A moeda local é o Ringgit Malasiano, e trocamos alguns euros para levar presentes. Cada 4 Ringgit vale 1 euro!

    Bem, estamos na base do descanso. Amanhã começam as comemorações na Ilha e a noite uma festa para recber os artistas. Na sexta começa o Festival.
    Eu vou dando noticias.

    06, 07, 08, e 09/07/2004 - Mardi, Mercredi, Jeudi, et vendredi.
    Dias de calor na Ilha e Borneo, Sarawak, Malásia.
    Esses dias nos dediamos ao planejamento dos shows, avaliação da Tour e ouvir muita música. O Hotel tem piscina, os músicos estão em toda parte e o que se respira aqui é musica. Fiz várias entrevistas, e demos um passeio na çidade que fica a 50 km do Hotel. Fomos conheçer a China Town, uma parte da cidade de chineses e com um comércio grande.

    CONFERENCIA
    Hoje além de uma coletiva para imprensa, com outros musicos e bandas, realizei uma conferencia com o tema , UMA OUTRA HISTORIA DO BRASIL, tendo o Forró como música de enfoque. O Público lotou um espaço exótico, antiga comuna dos povos que habitavam a ilha, hoje local turistico, onde se realiza o Festival. Muitas perguntas em relação ao mercado no Brasil para a musica tradicional, sobre as rádios, Midia, e o trabalho independente. Muitos jovens, jornalistas, musicos.

    Demos um psseio pelo festival, tendas de roupas, camisetas do festival, CDs, muita gente bonita, e o estranho sentimento que realmente éramos estrangeiros. O Local do festival, uma grande aldeia que mais parece cenas de filme de Tarazn ou Jim das Selvas, (Para quem foi desse tempo).Uma exuberancia de espaço. Montanhas, floresta, Casas de madeira, um grande lago, pessoas passeando, e um palco impresionante.

    10.07.2004-Samedi

    Hoje foi o dia das oficinas no festival. Não é propriamente oficina, mas, encontros planejados pela coordenação do Festival para promover intercambio e conhecimento das várias culturas presentes. Nosso sanfoneiro, o André Julião, participou de um encontro com um acordeonista Italiano da banda Tammorra, o Tanino Lazzaro, foi muito legal. Já o Wilson Farias, que ai em Recife mantem uma coordenação do espaço Usina, junto ao Elias Paulino,mandou ver uma grande jan com percussionistas das bandas da Nova Zelandia, India, Africa. O Público foi ao delírio com os musicos brasileiros.

    A noite fomos ao festival e vimos a grande produção de palco, luz e coordenação. A apoteose ficou por conta do Black Umfolosi, do Zimbabwe, um grupo de 7 vocalistas, sem instrumento musical, cantando em várias vozes que levou emoção ao grande publico da noite. Lembrou uma apresentação do grupo LadySmith Black Mambazo, que anos atras cheguei a dividir palco no ECO-Festival de Xingó. Um delírio.
    Amanhã é nossa vez.

    11/07/2004 - Dimanche(Domingo)

    PASSAGEM DE SOM
    Tudo na maior perfeição. Palco amplo e bem iluminado. A Equipe de som tem tecnicos da China e da Holanda. Começamos a passar o som as 10:00 da manhã e fomos até 12:30. Embora com uma estrutura sonora simples, a montagem, cabeamento e timbragem é complexa. Deu tudo certo pra noite. Encerraremos o festival e chamaremos vários músicos para uma canja final do Rainforest Festival.

    O SHOW
    Não existe comentar um show desse! Não existe!
    Depois de 5 dias de Festival recebemos a enorme responsa de fechar a noite e ainda fui convidado para ser o mestre de cerimonia no final do festival, chamando para uma enorme canja todas as bandas participantes! Imaginem. Lindo, emocionante, tendo uma floresta como cenário e um público de 10.000 pessoas novamente gritando Frevooooo, Frevoooo!!!!
    Pernambuco esta de parabéns, gera uma musica com bases na tradição, e consegue combinar essa tradição com um leque enorme de ritmos e timbres. Festa total. Repertório de 1 hora, enxuto. O som no inicio precisou de uns ajustes, mas, nada que tirasse o groove do nosso Som. Deixamos a Malásia consagrados e já com um convite da Coordenadora do Rainforest para participar de outro Festival em outubro desse ano na Alemanha.

    Acabamos de assinar o licenciamento de várias musicas do CD Bate o Mancá, para um site Independente da Asia, visite o www.musiccanteen.com

    Amanhã, saida para o aeroporto de Sarawak, voo até Kuala Lunpur, depois 12 horas até Paris. Aproximadamente 20 horas entre aeroportos e os ares da Asia e Europa!

    12, 13, 14, 15 e 16/07/2004

    O retorno a França foi tranquilo, estavamos mais acostumados com o Voo do enorme 747 da Malaysia Air Lines, com direito ao melhor serviço de bordo do planeta, aeromoças vestidas a carater asiatico, cada cadeira com varias radios, telefone e 5 canais de TVs personalisados.Porém o tal do Fuso horário é malvado. Em Paris e depois indo para um breve descanso em Orleans, na casa de campo de amigos, nossa cabeça deu voltas para entender qual o dia que estávamos e qual a hora do Brasil.

    Aqui em Orleans foi uma tranquilidade, os Pais de nosso amigo e co-produtor Fabricio são anfitriões, com uma mesa sempre farta e alegria na familia. Aqui nós aproveitamos para lavar roupa, pois foram varios shows em cidades e paises diferentes e estávamos com muita roupa de show e diaria sujas. O tempo na França está maravilhoso, entre sol e tempo tenue, bom para ler, escrever e passeios.

    O SHOW EM PARIS

    O GLAZART é um point bacana em Paris, fica ao lado do Cité de la music, onde recentemente Lenine gravou show e DVD. Um espaço frequentado por Djs, figuras de radio e jornais, um club bem aconchegante. Saimos de Orleans, passamos o som e ficamos por lá até a hora do show. Mandamos ver o repertorio completo que planejamos, pois o palco era só nosso e o som estava legal, dessa vez convidamos o Dominique, tecnico Frances que mixou o novo CD do Lula Queiroga. Varios convidados de Imprensa, Radio e TV e uma moçada brasileira se balançou no sotaque do batuque Pernambucano e a noite terminou com um BIS do MICROBIO DO FREVO. Em Paris, não poderia ter sido melhor.

    Hoje, dia 16, vendredi, sexta, estamos nos arrumando para uma nova estrada, dessa vez será Le Mans, um Festival Agro-Cultural, nosso show será amanhã. De Le Mans talvez estiquemos até a Belgica, Bruxelas. Eu mando notícias.
    Um abraço a todos que estão nos acompanhando via JC on Line, estamos com saudades, mas, o trabalho vai tomando cada vez mais forma e isso abre fronteiras para muita coisa em Pernambuco.
    Silverio Pessoa

    17 e 18/07/2004 - Samedi et Dimanche

    O SHOW NO ECO.BCN/2004-Festival
    Um Festival maravilhoso que movimenta uma cidade rural de 1.500 pessoas. Um clima bem parecido com nossas cidades de interior com clima frio e agradável.Le Grand Lucé. No festival teve conferencias sobre a gestão da agua na comunidade e tambem sobre a influencia do nosso cotidiano sobre as estações do ano. O restaurante dos artistas ofereciam comidas naturais e muita gente engajada em ecologia. Chegamos e nos intalamos em um Gite,(Albergue de estudantes) muito confortavel, localizado em uma comunidade rural que não utiliza ferlilizantes quimicos e tratam a agua com muita dignidade e respeito. Passamos o som, tudo bem. A noite foi aquela catarse, muita gente proxima ao palco dançando e pulando ao som de um trabalho que para eles foi bem diferente da imagem que o Brasil tem na França. Tivemos alguns problemas no som, pois foram 4 bandas em um mesmo palco, porém nada de grave.

    Hoje fomos ao local do festival e demos um passeio pela cidade. Mais a maior parte do tempo descançamos e ouvimos muita musica. Eu aproveitei a tranquilidade do lugar e terminei alguns textos, criei outros, gravei melodias.

    19, 20, 21/07/2004
    Saida de Le Mans para orleans, passando por Paris e chegada em Bruxeles, Belgica. Aqui estamos como convidados de um afitrião Portugues que adora a musica de pernambuco.Passeio maravilhoso hoje na Praça "quadrada", grand Place, no centro de Bruxeles, lindos predios antigos e arquitetura antiga que impressiona. Fizemos compras para um churrasco a noite. Amanhã sera a comemoração do aniversario de André(sanfoneiro), Wilson(Percussa) e Marc(nosso produtor). Estamos no relax, pois depois vem viagem seguida de show importante na Alemanha e Suiça.

    DICAS
    Livro
    Acabei e ler um livro bem interessante, MEU NOME NAO É JOHNNY, do Guilherme Fiuza. "A Viagem real de um filho da burguesia a elite do trafico".Ed.Record.
    O livro tem para mim duas parte, eu gostei muito da primeira, que é a aventura de um garoto carioca, nascido em familia abastarda e num rapido piscar de olhos se torna um barão da cocaîna não só no Rio de Janeiro, mas em uma parte da Europa. Noites brilhantes regada a pó e whisk, transporte de 4 e 5 kilos de Cocaîna para Amsterdã em um casaco de frio, até sua prisão.Aventura sem folego. Depois o livro descamba para o roteiro mais focado hoje em dia, a vida do carcere, na penitenciaria, e por ai vai. Disso eu não gostei, parece que já vi no cinema. Mas, recomendo, o João Guilherme, protagonista da aventura, passa por incríveis momentos que faz a leitura fluente e rápida das 336 paginas.

    22.07.2004- Bielefeld/Alemanha
    Ontem, ainda em Bruxeles assistimos ao grande show em praça publica do acordeonista de Madagascar Regis Gisavo, amigo de Lenine que o levou para o Heineken Concert em Sao Paulo. O cara arrasou de acordeon e bateria, um presente para todos.
    Saimos de Bruxeles e pegamos uns 400 Km, até Bielefeld, uma cidade na Alemanha proxima a Berlin e Hannover, aqui amanhã, vai rolar um grande festival e teremos um show importante para a Tour e a divulgação do CD na Alemanha. Não deu ainda pra sacar a cidade, parece-me pacata e do jeito das cidades europeias, ruas bem cuidadas, pessoas andando nas ruas dentro do seu mundo. Hoje é a comemoração do aniversário de Wilson, André e do nosso produtor, o Marc, estamos de saida para um restaurante para comemorar.


    O SHOW EM BIELEFELD
    A abertura foi de Ivan Santos, um brasileiro que mora em Frankfurt, levada nordestina com boas sacadas de letras, um amigo que tera parceria em meu novo CD. Depois veio Lenine com a Falange Canibal, groves e levadas que nos bem conhecemos e um publico participante. Para encerrar a noite veio o Bate o Mancá, mandamos ver novamente. O publico aguardava ansioso e com vontade de dançar e conhecer nosso trabalho e nosso debut na Alemanha. O Show foi transmitido para Radio Nacional da Alemanha e tivemos direito a um bis com Ivan Santos no Palco.
    Apos o show seguimos direto para a Suiça, 8 horas de estrada. Aqui a noite será Pernambucana/Brasileira. Abriremos a noite, depois o Dolores, Trio Mocotó e Lenine encerra. Promete muito!

    24.07.2004/Samedi
    Estamos em Nyon, Suiça. Visitem um dos maiores Festivais do Planeta. www.paleo.ch
    Alem de David Bowie e Peter Gabriel, muitos musicos do mundo e uma presença atuante da musica de Pernambuco, Silverio Pessoa, lenine e DJ Dolores.Nos apresentaremos no palco VILLAGE DU MONDE-America Latina.

    A NOITE DE PERNAMBUCO NA SUIÇA
    O Paleo tem como tema esse ano a America Latina e o Palco VILLAGE DU MONDE convidou Silverio Pessoa, Trio Mocoto, DJ Dolores e Lenine para uma noite especial. Foi emocionante, abrimos a noite com um show e som impecaveis, bis e muita afirmação. Depois veio o Trio Mocotó brilhando com seu Samba Soul, DJ Dolores mandou ver um groove constante com metais precisos e Issar sendo rainha, depois o Galego lenine fecha esse momento historico da Musica Brasileira e Pernambuco afirmando sua produção. Lenine me convida para o palco e encerramos a maratona cantando Alzira e a Torre e levantando milhares de pessoas que tiveram a oportunidade de comprovar outra musica brasileira.

    25.07.2004/Dimanche-Paleo festival-Nyon/Suiça
    Segunda apresentaçao no Festival. Foi dose dupla, segundo show com um publico lotando o palco Village du Monde. Encerramos nossa participação aqui na Suiça com otimas perspectivas de continuidade de trabalho.

    26.07.2004-Mardi
    Estamos na França. Daqui a 3 semanas encerraremos nossa grande Tour e a afirmação do trabalho na europa continua forte.

    02.08.2004 - Lundi

    Estivemos em uma cidade linda, chamada Pernes la Fontaine, com fontes termicas distribuidas na cidade, um clima parecido com Recife. De Pernes na França fomos para Avignon, uma cidade famosa por ter servido de refugio dos papas durante duzentos anos, em 1200. Toda circulada de muralhas, Avignon tem o maior festival de teatro da europa, vimos varios grupos mambembes em apresentações nas ruas da cidade. No centro um enorme castelo e uma catedral que foi a casa dos Papas com lindos jardins.

    De Avingon, seguimos para Saint Emilion, Região famosa pelos vinhos. Estamos no Chateau de Patrick Masoube, um grande produtor de vinho com safras elogiadas na França. Parsac fica em Montagne, proximo a Bordeux. Linda paisagem de vinhedos e chateaus espahadas pelas montanhas. Daqui saem os melhores vinhos do mundo, e claro, eu experimentei varios.

    Seguiremos viagem para Ilha de Corsega, onde faremos show no Festival Porto Latino junto a Omara Portuond, diva do Buena Vista Social Club.

    RETORNO AO BRASIL
    Estaremos de volta ao Brasil dia 16 de agosto.
    Ainda envio noticias dos ultimos show, da viagem a Ilha de Corsega e tambem uma sintese da Tour. Abraços para todos que acompanham nossa viagem.


    03,04,05, e 6/08/2004 - Vendredi

    Saimos de Saint Emilion depois de um merecido descanço e um show case no Chateau Puynormond, e emocionados com a recepção dos anfitriões. Pegamos 800 km, quase um dia todo de estrada até chegar em Barcelonette, um lugar exuberante. Montanhas imensas, 1700 metros de altitude e proximo a uma estação de Ski. Em Barcelonette encontramos novamente nosso amigo Tatou do Massilia Sound System para um jantar com comidas tîpicas da Região que fica no oriente Occitano. Aqui vivem muitos Espanhois e Mexicanos que investiram na industria textil e retornaram ao seu lugar com situação financeira mais estável. Pernoitamos em um albergue ao estilo das montanhas, com uma paisagem maravilhosa de frente aos alpes Françeses.

    SHOW
    Muita gente frente ao palco de Barcelonette, a praça aconchegante e curiosos para ouvir uma outra musica brasileira chegando via Nordeste do Brasil, Pernambuco. Fizemos o show completo e de Bis o VENDEDOR DE AMENDOIM, musica de 95 que sempre está no repertorio. Mais uma vez canja de Tatou e Jari do Massilia Sound System, incendiando o palco com um Raga/Xote, diversão garantida.

    07/08/2004 - Samedi
    Deixamos Barcelonette as 9:30h, e pegamos a maior altitude de nossas vidas, 2400m nos alpes Franceses em uma estrada que nos levou direto a NICE, o porto de Nice. Foi barra, os freios da Van esquentaram, Wilson teve vertigem e chegamos exautos no Porto para direto embarcar em um Navio para Ilha de Corsa.

    VIAGEM PARA ILHA DE CORSA
    Foram 4 horas de mar e muito sol. O Navio de uma Cia Italiana tinha 3 andares, 3 restaurantes, cabines particulares, piscina e um bonito visual. A saida de Nice foi memoravel, ver os predios na costa, as montanhas se afastando e o mar sem fim a nossa frente. Viagem tranquila. Eu curti muito no convés vendo o mar, o sol, as outras embarcações e alguns golfinhos que acompanharam o navio. A chegada a Ilha de Corsa também foi maravilhosa, um visual a noite da Cidade se aproximando, um espetaculo de luzes e reflexos no mar e no porto.
    Estamos em um hotel bacana em


    08 e 09/08/2004

    O SHOW NO FESTIVAL PORTO LATINO-Ilha de Corsa(França)

    O melhor show da Turne, sem dúvidas. O palco montado diante de montanhas e uma linda enseada da Ilha. Luz impecável, estrutura e som também. O publico lotou o espaço do festival para ver nosso trabalho que é novidade por aqui. O grupo teve um desempenho mais que esperado, improvisamos, dançamos, fizemos vinhetas ao vivo e terminamos ovacionados para um bis do Micróbio do Frevo. Todos os Cds trazidos para ilha foram vendidos. Mais uma vitória de Pernambuco.

    Hoje teremos mais um show, em outro palco, dividindo a noite com Omara Portuondo e Omar Sosa, ambos Cubanos.

    SEGUNDO SHOW

    Outra garnde surpresa. Fizemos um show mais curto entre Omar Sosa e Omara Portuondo. Grande momento, publico curioso, pois fiz radio e TV Nacional e muita gente foi conferir. Deixamos o palco com um publico querendo mais. Recado bem dado.
    Pela Manhã fiz um programa de Radio com Omar Sosa, o cara faz um Jazz com Hip Hop e efeitos no piano. Ele toca o piano fazendo percussão, dispara umas vinhetas e é muito religioso, uma grande descoberta para nós no Festival. Fizemos fotos juntos e trocamos ideias sobre a Tradição e a musica eletronica, coisa que o REFINARIA vem trabalhando mais atuante em Recife. Dia de muita coisa boa acontecendo.

    12 e 13/08/2004
    Estamos em Pernes le Fontaine, preparando as malas e a cabeça para retornar ao Brasil. Teremos mais um Show no Festival de Conforlens e saimos de Paris no domingo dia 15 as 18:00h. Faremos uma escala em Frankfurt, depois seguiremos para o Rio de Janeiro e Recife.
    Tudo valeu a pena. Aqui o trabalho está caminhando e se consolidando, e as portas da europa estão praticamente abertas para um novo Brasil vindo de Pernambuco. Fico feliz em estar participando desse momento com meus amigos da banda. Valeu Elis, Wilson, Valdir, Andre e Isrrael. Marc nosso produtor e voces que nos acompanharam todos esses meses.Vamos em frente.
    Valeu moçada do JC on line.
    Silvério Pessoa






    ----------